Existe ética em Produtos Digitais?

Letter #1

Ética é um conjunto de valores e preceitos que direcionam o comportamento de uma sociedade. Como estamos mudando todos os dias e lidando com novas situações a todo momento, não poderíamos criar uma lista de valores de “pode” ou “não pode”. Logo, é mais correto que tratemos os valores éticos como princípios.

Podemos dizer que ética em Produtos Digitais é só uma vertente da ética digital. Não seria errado compreender que os Produtos Digitais são responsáveis pelo controle mais micro dessa “ética digital”, porque éa partir dos Produtos Digitais que monitoramos e controlamos o comportamento de uso das pessoas. Por isso um Product Manager é um profissional tão importante hoje.

Ethical OS, tem 8 pontos importantes, que eles chamam de Zonas de Risco, que resumem bem o que podemos abranger no nosso dia a dia:

1. Verdade, desinformação e propaganda;
2. Vício e economia da dopamina;
3. Economia e desigualdade;
4. Ética de máquina e vieses de algoritmo;
5. Estado de vigilância;
6. Controle de dados e monetização;
7. Confiança implícita e compreensão do Usuário;
8. Ódio e autores criminosos (no inglês são Criminal Actors, traduzi livremente);

Eu nem falei aqui sobre privacidade, manipulação de dados, features feitas para controlar, manipular e vender dados de usuários, estímulo à dark patterns... Também não falei sobre como o marketing influencia muitos desses e outros pontos. Esse assunto é muito extenso e por isso convido que você leia e procure saber mais.

Note que direcionar o produto para um caminho coerente, levando em consideração os valores éticos adotados, mas ao mesmo tempo mantendo a rentabilidade, relevância no mercado e engajamento dos usuários, não é uma tarefa exclusiva do PM. UX Designers, Devs e outros especialistas (pessoas de dados principalmente), também são os responsáveis por promoverem uma evolução de pensamento que vem de baixo para cima.

Quais os dilemas éticos você já passou ou poderá passar com o seu produto? E como você e o time poderão alinhar os princípios éticos com as expectativas da empresa e usuários? Será que nós, por meio dos nossos produtos, estimulamos os usuários a terem comportamentos antiéticos?


Referências: